CF: Same Old Love( ~Jelenator_Selly)

Oi amor! O seu pedido foi repassado para mim, mas antes a JaxTom tinha o feito, então acho que nada mais justo do que ela fazer certo?

Título: Same Old Love
Autora: ~Jelenator_Selly
Casal: Selena Gomez e Justin Bieber

Pela sinopse podemos notar o teor filosófico que muitos autores insistem em usar mas que não sabem aproveitar nem mesmo em um porcento. Saber jogar com as palavras pode ser algo glorioso quando você tem noção do que está fazendo, misturar tudo e criar algo que somente soe bonitinho para quem está lendo não é, nem de perto, uma coisa para se orgulhar. E quando se trata de uma sinopse, isso deveria ser evidente. Oitenta e cinco palavras que fracassaram em corresponder a qualquer expectativa de uma fanfic real life.


A forma como tudo se iniciou, poderia ser desenvolvido de uma forma mais coerente. A troca de notícias, as músicas se misturando a isso, poderia ser algo bom o suficiente se tudo não parecesse uma confusão, como um recorte de uma revista, onde cada pedacinho foi colado sem nenhuma ordem evidente.

Quando tratamos do ponto de vista de cada personagem, é sempre bom deixar claro o que você realmente quer com isso, se por um lado estiver querendo expor a forma como cada um pensa a respeito de qualquer coisa, faça, o que na verdade é necessário, mas não tente criar uma onda de absurdos. A fanfic está sendo baseada em um casal de verdade, em acontecimentos reais e por mais que o autor tenha a liberdade de ter a ficção em suas mãos para fazer o que quiser, é essencial honrar a base do problema, criar algo que faça sentido e que seja verídico; isso passa longe em cada frase escrita.

O uso recorrente de música faz com que tenha, talvez, uma forma de divertir o leitor de alguma forma, porque a escolha retrata o que está acontecendo no ambiente. Mas da mesma forma que isso é usado para prender quem está lendo, pode se tornar uma confusão se não souber abordar de uma forma convidativa.

Selena é um personagem aparentemente muito moldável, e honra, claramente, a realidade. Mas não é interessante quando outro além dela consegue se destacar mais seja por qualquer tipo de coisa. Katharine parece ser muito mais interessante que os personagens principais em si, tirando o fato da tentativa de um clímax em algumas cenas, ela parece ser aquela que com certeza criaria um trama muito mais conclusivo do que focar em um romance bobo que parece ser totalmente deslocado e mal feito.

Justin arrependido pode ser um tanto clichê, assim como o enredo torna-se previsível e também impossível, porque estamos em um universo onde dois ex-namorados conhecidos em todo o globo com certeza se chocariam no meio da rua, um cairia por cima do outro e logo após isso, resolvessem sair juntos como se nada tivesse acontecido.

Os erros gramaticais podem ser perturbadores e os leitores com certeza não mentiram quando deram essa dica, essa forma de melhorar a trama que já carrega algo extremamente difícil de se compreender. A briga entre “mim” e “mais” é apavorante, e é sempre muito bom ter aquele bom senso de saber o que está fazendo antes de tentar criar um romance com uma jogabilidade de palavras difíceis.

Contudo, é algo criado sem muita desenvoltura, sem muita estrutura em si. Poderia ser bem aproveitado com a questão do flashback e a melhoria da colocação das músicas, mas ainda assim, os erros e a ortografia impedem que seja algo bonito como a autora realmente quer que seja.

E quando estamos trabalhando com uma RL, é necessário ter em mente que precisa ter uma coerência necessária, acima de tudo, precisa ser bem feito. Você pode trabalhar com todos os detalhes possíveis, mas não se esqueça de levar isso para o lado mais real que conseguir, deixando para outro plano o sentimentalismo dos personagens e focado em como aquilo soaria se fosse realístico, o que de fato, é o intuito da autora em si.

Capa - 2,0
Sinopse - 0,25
Ortografia - 0,75
Gramática - 0,75
Enredo - 1,0

Nota final: 4,75





3 comentários: